quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Programas oferecem financiamento e Banco da Amazônia abre os cofres.


BILHÕES NA BOCA DO CAIXA
 Sobram bilhões e bilhões de reais nos cofres abarrotados dos bancos oficiais, paraserem aplicados em financiamentos, de pequeno e grande porte, no Amazonas, faltando apenas  ousadia empresarial e projetos específicos que denotem retorno econômico, no ciclo de rendimento que garante o negócio do pagamento do crédito e o lucro satisfatório.
  Somente no Banco da Amazônia, que tem a responsabilidade de transferir recursos de programas federais, há 4 bilhões e 600 milhões dormindo placidamente n tesouraria, acenando para convidados ao grande banquete de desenvolvimento  de suas empresas ou pessoas e, como consequência, do Estado do Amazonas.
Há ainda somas fabulosas no Banco do Brasil que tem igual responsabilidade de guarda e distribuição dos fundos federais para ação social e de desenvolvimento humano e na Caixa Econômica que oferece grana alta para construção de moradias, implantação de saneamento básico, mobilidade urbana e organização social.
Gilvandro Negrão, diretor Comercial e de Distribuição do Banco da Amazônia este dinheiro faz parte do Fundo Constitucionalde Financiamento do Norte – FNO e destinados para os sete estados da Região Norte. “É chegar, cadastrar, está ajustado às exigências e colocar o dinheiro na conta” explicou.
  Vários programas são beneficiados por este Fundo, como o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar – Pronaf, Desenvolvimento Sustentável da Amazônia, Programa de Financiamento para Recuperaçãoe Manutenção da Biodiversidade. Financiamento às Micro e Pequenas Empresas e Programa de Financiamento do Empreendedor Individual.
 “Quer dizer: há dinheiro para todos os gostos e para todos os setores” ensina Gilvandro Negrão.
 PROJETOS
O primeiro passa para o acesso a este dinheiro é a montagem de um projeto básico, seja na área institucional – logística mobilidade urbana, saneamento ou moradia – seja na área privada para abertura de empresas, ampliação de negócios, ou início de uma nova empresa.
 O diretor Gilvandro explica que para o Governo é preciso está adimplente cm o Governo Federal e ter a visão social do investimento, em    quanto o empresário necessita preencher o cadastro bancário atendendo as exigências normais de um financiamento. “O que é bom é a orientação técnica e o acompanhamento , porque para o Banco interessa o sucesso do empreendimento” afirma o diretor.

5 comentários:

Anônimo disse...

Hі, I would like to subѕсribe
for this weblog to get most up-tо-date upԁates, ѕo where can i do it рleаse аsѕist.


my page ... http://www.sfgate.com/

Anônimo disse...

Awеsomе isѕues here. I'm very satisfied to peer your article. Thanks a lot and I'm taking a loοk aheаd to
touсh уou. Will you ρlease drop me a mail?


my blog :: http://www.sfgate.com/business/prweb/article/V2-Cigs-Review-Authentic-Smoking-Experience-or-4075176.php

Anônimo disse...

It's an awesome post in support of all the web visitors; they will get benefit from it I am sure.

My homepage ... v2 cigs reviews

Anônimo disse...

Hello! Someone in my Facebook grоup shasred this
site with սs so I came to gkve it а lοok. I'm defіnitely enjoying the informɑtion. I'm book-marking аnd will be tweeting this to my followers!
Outstasnding blog аnd brilliant design.

Ӎy weblog http://Www.pinterest.com/janberkowitz7/

Petani Lampung disse...

http://www.petanilampung.com